rosácea

Rosácea: Saiba o que é e como tratar

Você já sentiu uma vermelhidão incômoda no rosto no fim de um dia cansativo ou após comer algo apimentado? Esse desconforto pode indicar um quadro chamado de rosácea, doença que pode afetar a bochecha, nariz, testa e queixo.

Você já ouviu falar nessa condição? Sabe como é causada? Conhece os sintomas e tratamentos? Então, não deixe de ler este post. A seguir, explicaremos tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

O que é rosácea?

Trata-se de uma inflamação crônica de pele que tende a surgir no centro da face, mas que também pode acometer as bochechas, nariz, testa e queixo. Quando afeta os olhos é chamada de rosácea ocular.

Ainda, a doença pode surgir em pessoas de qualquer idade, sendo mais comuns nos adultos, entre 30 e 50 anos. Além disso, as mulheres são mais suscetíveis. Contudo, quando ocorre em homens, é comum que desenvolvam versões mais graves do quadro.

Ademais, diferente do que as pessoas acreditam, a rosácea não é uma mera vermelhidão no rosto. Existem cinco formas de manifestação da doença que variam de intensidade, complexidade e prevalência. São elas:

  • eritêmato teleangiectasia: ocorre principalmente no centro da face, próximo ao nariz. Além do tom avermelhado da pele, pequenos vasinhos se tornam visíveis. Nesse tipo, o paciente pode apresentar sensação de queimação ou coceira na pele;
  • rosácea pápula pustulosa: quando o paciente apresenta o tom avermelhado da pele e surtos de lesões pápulo-pustulosas, como se fossem espinhas. Esse é o tipo mais comum em homens;
  • fimatosa: trata-se do tipo menos comum e se caracteriza pelo espessamento e enrijecimento da pele, além do aumento de tamanho das glândulas sebáceas. Com isso, o nariz do paciente pode até dobrar de volume;
  • ocular: quando surge na região dos olhos, causando inflamação, avermelhamento e descamação na área dos cílios. Esse tipo é considerado o mais grave, pois pode levar à perda da visão;
  • granulomatosa: se caracteriza pelo aparecimento de pequenos nódulos acastanhados no rosto, sendo de difícil diagnóstico e tratamento.

Quais os sintomas mais comuns?

O sintoma mais comum de rosácea é o tom avermelhado da pele. Outros sinais podem surgir em diferentes áreas da face, como nariz, testa, bochechas, olhos e orelhas. São eles:

  • formação de pequenas lesões purulentas na pele;
  • sensação de calor na pele;
  • maior suscetibilidade à acne e pele oleosa;
  • sensação de pele mais grossa, em especial no nariz;
  • ressecamento da pele;
  • maior sensibilidade da pele a alguns sabonetes.

Quais as causas?

Ainda não existe uma causa que seja vista como determinante para o desenvolvimento da rosácea. Porém, acredita-se que esteja relacionada à predisposição genética, alterações emocionais e hormonais, mudanças bruscas de temperatura, exposição solar, consumo de bebidas alcoólicas, uso de medicamentos vasodilatadores e ingestão de alimentos quentes.

Como é o tratamento?

Existem diferentes formas de tratar essa doença, variando de acordo com o tipo e a região afetada. No entanto, nenhuma das alternativas é capaz de promover a cura definitiva. A decisão pelo tratamento também depende do grau de evolução do quadro e do objetivo.

De modo geral, o tratamento pode ser local, à base de antibióticos orais, por cirurgia à laser, eletrocirurgia ou dermoabrasão. Além disso, o dermatologista costuma indicar o uso de filtro solar com alto fator de proteção contra os raios UVA e UVB.

Por fim, para afastar o risco de desenvolver a rosácea é preciso evitar os fatores de risco mencionados. Portanto, caso identifique sintomas semelhantes ao desse quadro, procure um médico para ser avaliado.

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficaremos muito felizes em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do nosso trabalho em dermatologia  em Cotia! Granja Viana | Dra. Larissa Viana

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
ATENÇÃO

Prezados pacientes,

Devido à pandemia da COVID-19, estamos seguindo as indicações do ministério da saúde.

Visando a segurança de nossos pacientes e colaboradores, estamos oferecendo atendimento presencial, com todos os cuidados necessários, e teleorientações (consultas virtuais).

Atenciosamente, 

Equipe La Vienne.