filtro solar

5 mitos e verdades sobre o filtro solar

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA), o câncer de pele é o tipo mais frequente no Brasil, sendo a exposição excessiva ao sol o principal fator de risco para o seu desenvolvimento. De modo geral, o uso do filtro solar é uma medida eficiente de proteção.

No entanto, com uma grande quantidade de informações duvidosas sobre o assunto circulando pela internet, é difícil descobrir o que é verdade e o que não é. Por isso, preparamos este post para esclarecer a veracidade das afirmações mais disseminadas na rede.

1. Aplicar o filtro solar com a pele molhada reduz sua eficácia.

Verdade. Embora pareça mais prático passar o protetor com a pele úmida, essa ação faz com que o produto seja diluído e, consequentemente, tenha sua capacidade de proteção diminuída. Por isso, ele deve ser aplicado após secar o corpo. Outra solução é adquirir produtos que sejam próprios para o uso em pele molhada.

2. O protetor solar só deve ser usado em dias de sol

Um mito levado conhecido pela população. A radiação UVA/UVB está presente mesmo em dias nublados, quando não podemos percebê-la. Além disso, nossa pele não é afetada apenas pelos raios solares, mas também pela luz emitida pelos dispositivos eletrônicos e pela iluminação artificial.

Dessa forma, para evitar o surgimento de manchas e o desenvolvimento de doenças mais graves, utilize o filtro solar em todo o tempo. Atualmente, existem produtos específicos para ambientes fechados, pois possuem uma barreira de proteção contra a luz visível.

3. Ficar na sombra do guarda-sol é suficiente para evitar a radiação solar.

Mito. O guarda-sol, boné e chapéus são exemplos de barreiras físicas que contribuem para a fotoproteção. Porém, sem o uso de protetor solar, têm sua eficácia reduzida. Por outro lado, apenas o fato de permanecer na sombra não significa que você estará isento da radiação solar.

Isso porque, mesmo na não incidência do sol sobre sua pele, a radiação ultravioleta está presente, podendo causar danos e queimaduras. Então, procure sempre utilizar o filtro solar em todo o corpo.

4. O uso de antioxidantes aumentam a eficácia do filtro solar.

Verdade. A vitamina E e C são exemplos de antioxidantes que incrementam a defesa natural das células contra a radiação solar. Assim, você pode aplicar hidratantes que contenham essas vitaminas antes de passar o protetor. Com isso, a fotoproteção vai além do descrito na embalagem do produto.

5. O protetor solar previne o envelhecimento precoce.

Mais uma afirmação verdadeira. Com a aplicação diária do filtro solar, você estará impedindo que a radiação solar incida sobre a sua pele. Em consequência disso, você também elimina o principal fator causador do envelhecimento precoce. 

Ademais, a fotoproteção retarda o aparecimento de rugas, manchas, o ressecamento da pele e a ação dos radicais livres criados pela radiação ultravioleta. Além disso, o protetor solar ajuda a reverter os efeitos nocivos da exposição ao sol.

Então, com a leitura deste texto, você conheceu os principais mitos e verdades sobre o uso do filtro solar. Portanto, ao consumir informações na internet, principalmente sobre temas relacionados à saúde, escolha por fontes confiáveis e com credibilidade.

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficaremos muito felizes em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do nosso trabalho em dermatologia  em Cotia! Granja Viana | Dra. Larissa Viana

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
ATENÇÃO

Prezados pacientes,

Devido à pandemia da COVID-19, estamos seguindo as indicações do ministério da saúde.

Visando a segurança de nossos pacientes e colaboradores, estamos oferecendo atendimento presencial, com todos os cuidados necessários, e teleorientações (consultas virtuais).

Atenciosamente, 

Equipe La Vienne.